sábado, 30 de janeiro de 2016

SHOW UM BLUES PARA O ANDRÉ É ADIADO EM LONDRINA

Nessa madrugada, Londrina sofreu um forte atentado ä paz e ao convívio social: 1 policial morto; 9 civis mortos e mais de 20 pessoas feridas em todas as regiões da cidade.

Por conta disso, eventos do fim de semana estão cancelados.

O Show UM BLUES PARA O ANDRÉ, que capta recursos para o medicamento do jovem André Alvarez foi adiado e nova data será anunciada.

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

CLUB POÉTICO 115

O poeta e editor Valdenir Magalhães produz com capricho o Club Poético Pés Vermelhos.

Recebo a edição 115 que traz um haicai de minha autoria.

Parabéns pelo pioneirismo e dedicação ä poesia, Valdenir!

BLOCO BAFO QUENTE FAZ O AQUECIMENTO DE CARNAVAL EM LONDRINA

bloco bafo quente.divulgação 2O Bloco Bafo Quente faz ensaio aberto neste domingo (31), às 17h, no aterro do Lago Igapó. O evento é gratuito e aberto a todo o público. A batucada é o ensaio de aquecimento do bloco para o feriado de Carnaval. Os estilos tocados serão samba, funk, baião e marchinhas.

Tanto no ensaio deste domingo (31) quanto nos shows do feriado de Carnaval, 18 integrantes irão participar. O Bafo Quente conta com o patrocínio da Secretaria Municipal de Cultura, através do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic).

O aquecimento faz parte dos preparativos para os próximos shows que o Bloco vai fazer durante o Carnaval. O primeiro será no dia 7 de fevereiro (domingo) novamente no aterro, e o segundo show será no dia 9 (terça-feira), na Praça Nishinomiya, em frente ao Aeroporto. Ambos os shows terão início no mesmo horário, às 20h.

VOTAÇÃO DE CARNAVAL: II CONCURSO DE MARCHINHAS

http://concursodemarchinhas.com.br/site/votacao.aspx

Acesse o link acima e vote na sua marchinha preferida.

Nosso blog indica a marchinha O MOSQUITO, do maestro e compositor Jorge Antunes.

TEATRO: EVENTO MITsp OFERECE RESIDÊNCIA ARTÍSTICA COM O DIRETOR RUSSO YURI BUTUSOV

Considerada um dos eventos mais importantes da cena teatral paulistana, a “MITsp – Mostra Internacional de Teatro de São Paulo” só ocorre entre 4 e 13 de março. No entanto, a terceira edição do festival já oferece uma oportunidade imperdível para atrizes e atores.


Trata-se de uma residência artística gratuita de três semanas com o diretor russo Yuri Butusov. A atividade ocorre entre 15 de fevereiro e 5 de março, de segunda a sexta, em lugar e horário ainda não divulgados. Cada encontro dura cinco horas.



Yuri Butusov - reprodução
Yuri Butusov

Os interessados em se inscrever devem mandar uma carta de intenção e um currículo para inscricoes@mitsp.org, entre os dias 29 de janeiro e 9 de fevereiro. Os selecionados serão avisados por e-mail.

MORRE PAUL KANTNER, FUNDADOR DA BANDA JEFFERSON AIRPLANE


Guitarist Paul Kantner performs during Summer of Love 40th anniversary concert in Golden Gate Park Guitarist Paul Kantner of the band "Jefferson Starship" plays on stage during the "Summer of Love" 40th anniversary concert at Golden Gate Park in San Franc (Foto: Robert Galbraith/Reuters) (Foto: Robert Galbraith/Reuters)

Paul Kantner, guitarrista e cofundador da banda pioneira de rock da era psicodélica dos anos 1960 Jefferson Airplane, morreu aos 74 anos nesta quinta-feira (29), de falência múltipla dos órgãos, depois de sofrer um ataque cardíaco.

Com sucessos como "Somebody to Love" e "White Rabbit", os Jefferson Airplane escreveram músicas que se tornaram hinos para o movimento hippie e para o memorável "Verão do amor". Nele, milhares de jovens tomaram São Francisco, em 1967.

Esses ícones da contracultura americana foram escolhidos para liderar o Festival de Woodstock, em 1969.
A Academia de Gravação (Recording Academy), que deveria premiar a trajetória de Jefferson Airplane no Grammy deste ano, divulgou uma nota lamentando sua morte.

III HALLEL, JARDIM SABARÁ, EM LONDRINA


quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

PERFIL: 110 ANOS DO COMPOSITOR RADAMÉS GNATTALI

Radamés Gnattali nasceu em 27 de janeiro de 1906, em Porto Alegre e era filho de Adélia Fossati, pianista gaúcha, e do italiano Alessandro Gnattali, que tocava piano, bandolim e contrabaixo. O casal Gnattali mostrou sua paixão pela ópera ao batizar os filhos com nomes de personagens de Verdi: Radamés, Ernani e Aída.

Radamés, aos seis anos, iniciou os estudos de piano e violino com sua mãe. Com apenas nove anos, foi premiado pelo cônsul da Itália em uma festa, depois de reger uma orquestra infantil, com arranjos feitos por ele.

Aos 14 anos, ingressou no Conservatório para estudar piano, aprender violão e cavaquinho e aperfeiçoar-se no violino. Teve como professor e fiel incentivador Guilherme Fontainha.

Estudou para ser concertista e tocou no Cine Colombo, acompanhando filmes mudos. Além disso, tocou em bailes e deu aulas particulares de piano para ganhar algum dinheiro.

Em 1924, Radamés apresentou-se como pianista no Instituto Nacional de Música do Rio de Janeiro. De volta a Porto Alegre, concorreu ao Prêmio Araújo Viana e ganhou a medalha de ouro.

Mudou-se definitivamente para o Rio de Janeiro no início dos anos 1930. A partir de 1931, dedicou-se com afinco à composição. Foi regente da orquestra da Rádio Nacional, do Rio de Janeiro, e autor de seis mil arranjos, sendo considerado o melhor arranjador de música popular no Brasil. Para o programa "Um Milhão de Melodias", que ficou 13 anos no ar, chegava a criar nove arranjos por dia.

Em 1941, passou oito meses em Buenos Aires, contratado pela "Hora do Brasil", da Rádio Municipal, da capital argentina. De 1963 a 1967, o compositor trabalhou na TV Excelsior. A partir de então e até 1986, foi arranjador e regente da TV Globo.

Entre suas composições figuram as dez "Brazilianas", quartetos e trios e 26 concertos - entre eles um concerto para piano e orquestra, concertos para harpa e clarineta e um Concerto para Harmônica de Boca, dedicado a Eduardo Nadruz (Edu da Gaita).

Em 1986, Radamés sofreu um derrame que o deixou com o lado direito do corpo paralisado. Dois anos depois, sofreu outro derrame, falecendo no dia 13 de fevereiro.

Tom Jobim dedicou-lhe o poema: "Alô Radamés, já comprei amendoim".



Radamés Gnattali - Sonata for Guitar and Cello (Paulo Pedrassoli-guitar & Jed Barahal-cello):

https://www.youtube.com/watch?v=xfHfn47i9HA&feature=share


DRUMMOND: FAMOSA ESTÁTUA DO POETA É RESTAURADA


UNICEF ALERTA SOBRE DESNUTRIÇÃO INFANTIL NA CORÉIA DO NORTE

Acesso à água potável também coloca em risco saúde infantil no país (Foto: Divulgação/PBS.org)

Cerca de 25 mil crianças necessitam de tratamento imediato contra a desnutrição depois que uma seca reduziu a produção de alimentos em um quinto e o governo de Kim Jong-un diminui a quantidade das rações distribuídas à população, alerta a Unicef, de acordo com o jornal britânico Guardian, nesta terça-feira (26). A informação é relevante diante da falta de notícias precisas sobre um dos regimes mais fechados do mundo.

O fundo das Nações Unidas para crianças pede 12,6 milhões de libras em doações para o país. A Unicef ressalta que uma seca severa no ano passado reduziu 20% da produção de alimentos em relação a 2014. "O impacto disso continuará em 2016", alerta a entidade.

NO RIO: SHOW DE BETHÂNIA E CHICO NA MANGUEIRA

Maria Bethânia recebeu convidados no show que fez na quadra da Mangueira.

Cantaram sucessos da cantora: Alcione, Martinália e Chico Buarque.

Maria Bethânia é tema do enredo da Mangueira no carnaval 2016

VIOLÃO E VOZ: MARINA LIMA FAZ SHOW EM CURITIBA

Nesta sexta-feira (29), a primeira edição do Trajeto Lumen Ao Vivo de 2016 recebe a cantora e compositora Marina Lima em apresentação gratuita e aberta ao público.

O pocket show acontece no Shopping Curitiba a partir das 18h e também será transmitido ao vivo na Rádio Lumen FM (99,5).
A cantora  foi lançada em 1979 com o LP “Simples como Fogo” | Divulgação

A cantora atualmente divulga seu vigésimo álbum, “No Osso”, cuja essência está na voz e violão e relembra sua origem no primeiro trabalho solo em 35 anos de carreira.

Além da apresentação, Marina também participa de sessões de autógrafos. As senhas estarão disponíveis na Livraria Cultura a partir das 10h do dia do evento.

A parceria entre a Rádio Lumen FM com o Shopping Curitiba, com o objetivo de fomentar e divulgar a cultura na capital paranaense, já está na quinta temporada.

Buscando aproximar os artistas do público curitibano, em 2015 passaram pelo palco nomes como Pato Fu, Nenhum de Nós, Biquini Cavadão e Tiago Iorc, entre outros.

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

PAPA FRANCISCO RECEBE PRESIDENTE DO IRÃ, HASSAN ROHANI

Papa e presidente do Irã (Andrew Medichini/EPA/Agência Lusa/Direitos Reservados)
Papa Francisco recebe presidente do Irã Andrew Medichini/EPA/Agência Lusa/Direitos Reservados
O papa Francisco recebeu, no fim da manhã desta terça-feira (26), o presidente do Irã, Hassan Rohani. A audiência com o pontífice faz parte da primeira viagem do líder iraniano à Europa após a remoção das sanções internacionais sobre o programa nuclear de Teerã.

Ao final do encontro, Rohani pediu que o papa reze por ele. "Peço-vos que rezeis por mim. Gostei muito deste encontro e desejo-lhe bom trabalho", respondeu, em farsi (idioma mais falado no Irã, conhecido como língua persa), o presidente iraniano.

O papa Francisco pede com frequência a seus convidados que rezem por ele.

O último presidente iraniano a visitar o Vaticano foi Mohammad Khatami, que esteve em 1999 com o papa João Paulo II.

PODEROSO CHEFÃO: MORRE ATOR ABE VIGODA


Abe Vigoda como o personagem Salvatore Tessio em 'O poderoso chefão' (Foto: Divulgação)
Abe Vigoda, ator de "O poderoso chefão", morreu aos 94 anos, disse sua filha nesta terça-feira (26).

Ele interpretou o personagem Salvatore Tessio nos dois primeiros longas da trilogia, de 1972 e 1974.


Abe Vigoda interpretou o avô do filme "Olha quem está falando" (1989).

O ator norte-americano também ficou conhecido nos EUA na série de TV "Barney Miller", pela qual foi indicado três vezes ao prêmio Emmy.

ANWAR CANTA PARA ELAS


LONDRINA: ESCOLA DE FORMAÇÃO DE EXECUTIVOS


CARNAVAL 2016: PINAH É HOMENAGEADA EM SP

Pinah Maria Ferreira Ayoub, a modelo negra de cabelo raspado e sorriso escancarado que dançou com o príncipe Charles – herdeiro do trono britânico – em uma recepção dada pela prefeitura do Rio em 10 de março de 1978 será homenageada no carnaval paulista.  
 
Desde o episódio com o príncipe, ela ganhou o apelido de Cinderela Negra do samba. Sua dança virou manchete internacional e guindou a eterna destaque de chão da Beija-Flor à corte do Carnaval.

Esse histórico encontro é um dos elementos com que a Acadêmicos do Tatuapé espera ilustrar no enredo deste ano, em homenagem à Beija-Flor.
Pinah será uma das homenageadas pela escola paulista, à qual abriu um precedente jamais imaginado: será a primeira vez, em 40 anos de Beija-Flor, que ela vai desfilar por outra escola.

EM LONDRINA: HIP HOP TEM EVENTO NO JD ACAPULCO


MUDANÇA DE AGENDA: INFORME DA REVISTA VARAL DO BRASIL

Caros amigos,

Apesar de termos enviado nossa newsletter há pouco tempo, tivemos mudanças significativas e gostaríamos que ficassem informados, por isto tomamos a liberdade de escrever a vocês novamente em tão curto intervalo de tempo.

Por razões pessoais e importantes o Varal do Brasil não estará mais presente este ano no Salão do Livro e da Imprensa de Genebra. Lamentamos muito o ocorrido, mas, infelizmente, foi inevitável e certas situações são prioritárias e precisam de nossa atenção bem mais do que o evento em questão. Agradecemos a todos o interesse demonstrado.

Anulamos também nossa organização do Sarau Literário no Consulado-Geral do Brasil em Genebra que ocorreria no dia 3 de maio. A reunião artístico-literário da Associação ABRADES, de Bienne, será realizada e conta com todo nosso apoio, mas, infelizmente, não poderemos também estar presentes.

A revista Varal do Brasil continua suas atividades normalmente. Encerramos as inscrições para a edição de março (tema Mulher) e todos os textos recebidos após a data de encerramento serão reservados para publicação posterior.

Continuam abertas as inscrições para a edição especial de Páscoa (vida, esperança, renascimento, perdão, etc...); edição de maio (As Quatro Estações) e a edição especial de junho (O Lado Escuro do Ser): Falaremos do lado escuro do ser: os defeitos, os vícios, os pecados, os pecados capitais, as lutas interiores, os pesadelos, o medo, as agonias, os sustos, o que nos assombra, o que nos tira o bom humor... Falaremos de tristeza, de dor, de morte, de partidas, de ingratidão, de incertezas, de sonhos perdidos, de esperanças esquecidas, de vingança...

 Falaremos da violência, das agressões físicas e psicológicas, dos abusos, dos crimes e dos castigos, as sombras, o lado sombrio... Também buscaremos inspiração em filmes, livros ou pinturas e desenhos que evoquem o lado escuro da vida. Traremos para a luz, o lado escuro que existe no ser humano.

Sempre agradecidos pela presença amiga que vocês significam para nós!

Até breve!
Jacqueline Aisenman
Varal do Brasil

JORNAL CÂNDIDO DISCUTE FUTURO DAS BIBLIOTECAS




            A edição 54 do Cândido, jornal mensal da Biblioteca Pública do Paraná, traz uma ampla reportagem a respeito de como as bibliotecas estão se adaptando ao momento tecnológico em que vivemos. Especialistas afirmam que, faz tempo, as instituições deixaram de ser apenas local para empréstimo de livros. De acordo com os estudiosos, a tendência é expandir a área de atuação, tornando-se centros culturais de acesso ao conhecimento para viabilizar ao público a oportunidade de conferir espetáculos, palestras, bate-papos e, mais que tudo, conviver.

            Para a coordenadora do Sistema de Bibliotecas da Unicamp (SBU), Regiane Alcântara Eliel, “a tendência é que as bibliotecas, não apenas as universitárias, se tornem espaços para atividades práticas de construção de conhecimento e informação.” O professor emérito da Universidade de Brasília (UnB) e diretor da Biblioteca Nacional de Brasília, Antonio Miranda, concorda com a colega da Unicamp, e acrescenta: “Finalmente estamos na era do 'todos para todos', em que qualquer pessoa publica, troca informação, critica, trabalha em forma cooperativa, universaliza o conhecimento.”


Outros conteúdos
 
            A edição de janeiro de 2016 do Cândido também traz reportagem sobre o projeto de remição de pena por leitura no Estado do Paraná — iniciativa pioneira no país, em atividade desde 2012, contando atualmente com 2,5 mil participantes, quase 13% do total de 19,5 mil apenados do Paraná. Outro destaque é a entrevista com o escritor Ferréz, autor, entre outros, de Capão pecado e do recém-publicado Os ricos também morrem, criador do selo Literatura Marginal e ativista cultural na periferia paulistana. 

            Na seção de inéditos, trechos de dois romances históricos que serão lançados em 2016. O primeiros deles, A bíblia do Che, do paranaense Miguel Sanches Neto, resgata a passagem de Che Guevara pelo Paraná nos anos 1960. Já Anita, do escritor Thales Guaracy, usa como matéria-prima para a ficção a trajetória de Anita Garibaldi. Além disso, o jornal também publica um conto de Jorge Ialanji Filholini e um poema da curitibana Priscila Merizzio.

            Completam a edição uma adaptação gráfica do romance O médico e o monstro, clássico do escocês Robert Louis Stevenson, o ensaio fotográfico de Murilo Ribas na seção “Cliques em Curitiba” e, ainda, a trajetória de leitura do advogado aposentado João Carlos de Freitas aparece na seção “Na Biblioteca”.

Serviço

O Cândido tem tiragem mensal de 10 mil exemplares e é distribuído gratuitamente na Biblioteca Pública do Paraná e em diversos pontos de cultura de Curitiba. O jornal também circula em todas as bibliotecas públicas e escolas de ensino médio do Estado. É enviado, via correio, para assinantes a diversas partes do Brasil. É possível ler a versão online do jornal no seguinte endereço: www.candido.bpp.pr.gov.br. 

O site também traz conteúdo exclusivo, como entrevistas, vídeos e inéditos.

CURITIBA RECEBE MASTER CLASS COM A SOPRANO LUCIANA MELAMED

Masterclass de técnica vocal, canto lírico e interpretação.
Segunda, 1 de fevereiro às 14:00
Villavox Academia de Música em Curitiba

CULTO DE NO NOVO NO TEMPLO BUDISTA HOMPOJI

Grande Culto de Ano Novo
Domingo, 24 de janeiro às 10:00
Templo Budista Hompoji em Londrina

LONDRINA MOBILIZADA: EVENTO UM BLUES PARA O ANDRÉ


Caso não seja mais necessário comprar os medicamentos, o dinheiro excedente será integralmente doado ao Hospital do Câncer de Londrina.

Doações no site www.vakinha.com.br ou via Caixa Econômica Federal (Agência: 1553; Conta: 21214-0; Conta Poupança: 013; Maria Benedita Vicentini Fiorato – CPF: 027.776.449-18)

COPA SP DE JUNIORES: FLAMENGO É CAMPEÃO

O Corinthians caminhava para seu décimo título da Copa São Paulo de Futebol Juniores. O time alvinegro vencia por 2 a 0 na decisão desta segunda-feira. Mas o Flamengo reagiu de forma heroica no 2º tempo, empatou a partida por 2 a 2 e levou a decisão para as penalidades. Na disputa, o Fla venceu por 4 a 3 com grande atuação do goleiro Thiago, que defendeu duas cobranças.

  O time da Gávea termina a competição de forma invicta, com sete vitórias em nove jogos e conquista seu terceiro título. O Corinthians também deixa o torneio de maneira invicta

domingo, 24 de janeiro de 2016

ONG E-LIXO ARRECADA MATERIAIS ELETRÔNICOS NA AV MARINGÁ, EM LONDRINA


ITABAIANA CRIA A MEDALHA DOS DIREITOS HUMANOS AGASSIZ ALMEIDA



                                      

Itabaiana/PB cria a 

Medalha dos Direitos Humanos Agassiz Almeida

           De acordo com o projeto nacional de preservação da Memória Histórica do país, a Câmara Municipal de Itabaiana/PB, através do vereador Ronaldo Gomes, apresentou projeto de lei sancionado pelo prefeito Antônio Carlos, criando a Medalha dos Direitos Humanos Agassiz Almeida.

A medalha cravada com o nome de Agassiz Almeida traz o perfil de um homem público que por sua obra política e literária dignifica a nossa história.

Desde a sua juventude na década de 50, do século passado, eleito vereador por Campina Grande, Agassiz Almeida abraçou as causas em defesa dos direitos humanos, sobretudo dos oprimidos e injustiçados.

Prefeito Antônio Carlos

         Desafiou o coronelismo na região do cariri paraibano e os latifundiários nas várzeas férteis do Nordeste.

  No município de Itabaiana/PB, ele assumiu  a luta pela      implantação do projeto de reforma agrária de Alagamar, um dos pioneiros do Nordeste,ao lado de Dom Hélder Câmara, Dom José Maria Pires, Vanderley Caixe, Pedro Fazendeiro e Assis Lemos.
 
Participou da criação das Ligas Camponesas ao lado de Francisco Julião, Miguel Arraes, Gregório Bezerra, João Pedro Texeira e Assiz Lemos.

          Com o Golpe Militar de 1964, teve o seu mandato de deputado cassado e a sua prisão na ilha de Fernando de Noronha, mesmo assim manteve a sua luta de resistência as ditaduras no Brasil e no mundo especialmente contra a do Chile, de Pinochet, destacando-se como um dos principais articuladores pela derrubada desta ditadura.

            Eleito deputado federal constituinte, conseguiu aprovar 67 emendas à vigente Constituição Federal, entre as quais a de que a terra tem função social e com isto nega o absolutismo do direito da propriedade.

            Com a criação da Medalha dos Direitos Humanos Agassiz Almeida, Itabaiana/PB aponta uma visão política-cultural relevante às atuais e futuras gerações.

SHOW MÁRCIO JULIANO NO SAMBA


PROMIC ABRE NOVO EDITAL

A Secretaria Municipal de Cultura (SMC) publicou nesta sexta-feira (22) a abertura de novas inscrições para a seleção de Projetos Culturais Estratégicos e de projetos de Vilas Culturais a serem beneficiados pelo Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic) em 2016.

Os editais nº 005 e nº 006, contendo todas as informações referentes às categorias mencionadas, estão disponíveis no Jornal Oficial do Município, edição nº 2.907, no endereço www.londrina.pr.gov.br

Os proponentes poderão inscrever seus projetos de 25 de janeiro a 23 de fevereiro, na Secretaria Municipal de Cultura, na Rua Pio XII, 56. O horário de atendimento funciona de segunda-feira a sexta-feira, das 8 às 18 horas. O edital com o resultado final de aprovação deve ser divulgado até o dia 18 de março. Já o período de execução dos projetos culturais selecionados tem início em abril e vai até dezembro de 2016.

Os projetos serão analisados pela Comissão de Análise de Programas e Projetos Estratégicos (CAPPE), que é formada por membros indicados pelo Conselho Municipal de Política Cultural e pela Secretaria Municipal de Cultura.

Em 2015, 80 projetos foram patrocinados através do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic). Foram realizados festivais, shows, exposições, mostras, manutenção de vilas culturais, oficinas e ações formativas.

EM FEVEREIRO: DOCUMENTÁRIO BENZEDEIRAS ESTREIA EM LONDRINA

Dia 03 de fevereiro tem exibição do documentário Benzedeiras – ofício tradicional no SESC Cadeião, 19h30.

O evento é gratuito.

A diretora Lia Marchi faz palestra e bate um papo sobre o filme que fala de mulheres, comunidade, saúde, afeto, fé, tradição, organização popular, sustentabilidade.

CAMBÉ CONVIDA PARA OS ENSAIOS DA PAIXÃO DE CRISTO 2016


PERFIL: MARÍLIA MEDALHA

Nascida em 1944, Marília Medalha iniciou a carreira apresentando-se no Clube de Regatas de Icaraí e no Clube Central, em Niterói, na década de 1960 com Tião Neto e Sérgio Mendes.

Participou, em 1965, da montagem da peça Arena Conta Zumbi, de Augusto Boal e Gianfrancesco Guarnieri, na cidade de São Paulo, que lhe valeu o prêmio APCA como Atriz Revelação do ano.
Em 1967, veio o grande impulso. Depois de se apresentar com Edu Lobo na boate Zum Zum, no Rio de Janeiro, e no programa Ensaio Geral, da TV Excelsior (com Sérgio Ricardo, Maria Bethânia, Gilberto Gil e Caetano Veloso), veio o III Festival de Música Popular Brasileira da TV Record; Marília conquistou o 1º lugar para Ponteio (Edu Lobo e Capinam), que defendeu ao lado de Edu Lobo.

No ano seguinte, defendeu, na 4ª edição do Festival, levou "Memórias de Marta Saré" (Edu Lobo e Gianfrancesco Guarnieri) ao 2º lugar[2] ; e, na I Bienal do Samba (Record), ficou em 3º lugar com "Presentimento" (Elton Medeiros e Hermínio Belo de Carvalho), canção incluída em seu segundo LP.
Em 1970, um show na Bahia, no Teatro Castro Alves, desta vez dom Vinícius de Morais e Toquinho, espetáculo que deu origem ao LP Como dizia o poeta — famoso por lançar "Tarde em Itapuã", "Valsa para o ausente" e "O grande apelo". Em 1971 e 1972, o show fez turnês no exterior.

Na volta, lançou o LP Encontro e desencontro, com letras de Vinicius de Moraes e canções suas, como "Se o amor pudesse". Ainda em 1972, no LP Caminhada, incluiu canções suas e de outros autores, como Herivelto Martins ("Caminhemos") e a dupla Fágner e Fausto Nilo ("Fim do mundo").

Em 1974, veio o polêmico Opinião (Oduvaldo Vianna Filho, Paulo Pontes e Armando Costa), com Zé Kéti e João do Vale, numa nova montagem dirigida por Bibi Ferreira no teatro Opinião, no Rio de Janeiro.
Durante a década de 1980, apresentou-se quase exclusivamente em São Paulo. Em 1992, gravou Bodas de vidro — nome da faixa-título, de Sueli Costa e Paulo César Pinheiro.

Discografia

  • Marília Medalha (1967) LP
  • Marília Medalha (1968) LP
  • Como dizia o poeta – com Vinicius e Toquinho (1971)
  • Encontro e desencontro — com Vinicius de Moraes (1972)
  • Caminhada (1972)
  • Bóias da luz (1978)
  • Bodas de vidro (1992)

Mais: https://www.youtube.com/watch?v=vwHtybobmxY

porondecanta.blogspot.com/2012/11/marilia-medalha.htm

www.dicionariompb.com.br/marilia-medalha  

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

100 ANOS DE SAMBA NO JORNAL NOSSA TERRA


Acesse as edições do jornal: http://www.jornalnossaterra.blogspot.com.br/

BLOG DIVULGA CAMPANHA AMIGOS DO ANDRÉ

MEDICAMENTO URGENTE PARA O ANDRÉ

O André precisa de nossa solidariedade para custear um remédio desenvolvido nos EUA, o Vemurafenibe, necessário ao tratamento de um câncer, o melanoma. Esse medicamento ainda não está incorporado entre as medicações disponíveis através do SUS. Para ser custeado pelo SUS, é necessário mover um processo, que está em andamento. No tratamento do melanoma a rapidez é fundamental. É essencial para a vitória. Estamos pedindo a colaboração de amigos e pessoas solidárias para adquirirmos o medicamento, pelo período em que tramita o processo junto ao Ministério da Saúde, estimado em 30 dias. 

O custo do remédio para este período é de R$ 30.600,00. Para levantar esta quantia, estamos fazendo uma campanha sediada no site Vakinha. O link é https://www.vakinha.com.br/…/medicamento-urgente-para-o-and….

O valor médio das contribuições no site Vaquinha é de R$ 50,00. Mas você pode colaborar com quanto quiser e quanto puder.

Colabore também compartilhando as publicações de nossa página e o link acima em seu perfil no facebook e nas redes sociais. Faça uma lista de amigos e fale com cada um deles incentivando-os a contribuir.

Nós agradecemos sua ajuda. Muito obrigado.

Caso não seja mais necessário comprar os medicamentos, o dinheiro excedente será integralmente doado ao Hospital do Câncer de Londrina.


Doações no site www.vakinha.com.br ou via Caixa Econômica Federal (Agência: 1553; Conta: 21214-0; Conta Poupança: 013; Maria Benedita Vicentini Fiorato – CPF: 027.776.449-18)